Página Inicial  -  Quem somos?  -  Como surgiu a Dogsnet?  -  Porque comprar na Dogsnet?  -  Como Comprar  -  Formas de pagamento  -  Entregas e Prazos  -  Fale Conosco
Home
 
 

1- BRINQUEDOS para cães de:

1- porte MINI

2- porte P

3- porte M

4- porte G

5- porte XG

6- FILHOTES

2- OUTROS PRODUTOS

Acessórios

Apito - Refill p/ brinquedo

Bolsa de Transporte

Clicker

Dog Bike Bag

Medalha de Identificação

Mochila Cangurú p/ transporte

Mochila para cachorro

Pet Corrector

Tracking Bag

Bebedouros - Comedouros

Camas

Coleiras-Enforcadores-Guias

Higiene da Casa

Saúde

Anti Pulgas e Carrapatos

Bandagem Elástica

PharmaDog

Pomada Cicatrizante natural

Tira Tártaro dos dentes

Save Dog

3- PETISCOS

4- PROD. BANHO E BELEZA

2- Pelos Longos

3- Pelos Escuros

5- Pelos Brancos

6- Todas as Pelagens

8- Olhos e Ouvidos

B - Unhas = Alicate + Lixa

5- CAMISETAS

Patinhas Online

6 - ACHE A SOLUÇÃO para

Cães que latem demais

Roubar comida / Fuçar na lata de lixo

Xixí e cocô

A- QUAL É O PORTE?

1 - Porte por ordem alfabética

2 - Informações

3 - Ache o Porte - SRD

4 - Funções de Origem

B- RECEITAS

D - CACHORRO VIRTUAL - JOGOS

TODAS AS DICAS

 
 

Dentes do Cachorro

Meu cachorro fugiu - Como faço para encontrar

Clicker para adestramento de caes

Pet Corrector

Uggie - O mais famoso astro de Hollywood

Expressão Corporal dos cães

Cães e Telepatia

Encontrei um cachorro e agora

Dicas Cães - Por que os cachorros fogem

Sniff, sniff - Meu dono não me dá bola

 
Cadastre-se
Receba nossas ofertas

Nome

E-mail

 
 

11 - 2855.2726

sac@dogsnet.com.br

Dogsnet 

Unhas do cachorro – Como acostumar a cortar e lixar 

  • Porque cortar as unhas

  • Composição da unha

  • Como cortá-las

·       unhas brancas

·       unhas pretas

·       unhas demasiadamente longas

·       Como acostumar seu cachorro

·       a ter as unhas cortadas

·       a ter as unhas lixadas

·       Dicas

 

Porque cortar as unhas

 

Duvido que exista algum dono com um peludo em casa que não tenha arranhões no seu carro, nas portas de casa, nos móveis e pior, na sua própria pele.

 

As unhas dos nossos peludos podem ficar extremamente "cortantes" por diversos motivos:

 

- no ambiente onde circula o piso é liso (azulejo, taco, laminados, mármore, etc..), tem vida sedentária ou passeia pouco – como as unhas têm um crescimento contínuo elas não são desgastadas o suficiente por falta de atrito com o solo. Se você escuta o "tic, tic, tic" do seu cão caminhando pode ter certeza que as unhas estão compridas.

 

- o cachorro rói a unha deixando-a com formato irregular e com lascas – isso acontece por tédio, ansiedade, alergia ou alguma dor

 

                     

  Arranhão feito por uma unha roída                 Unha roída

 

- unha quebrada – como isso acontece? Sei lá! Porque o peralta tentou escalar um muro, arvore... (para alcançar uma presa), pisou de mau jeito em alguma superfície dura ou cavou, as unhas estão compridas, etc...

 

- a quinta unha está comprida – como não encostam no chão não são desgastadas e se tornam longas e afiadas. Do mesmo jeito que não podemos esquecer de calibrar o estepe, não podemos deixar de aparar a 5ª unha.

 

- a unha foi cortada – algumas vezes ocorrem rachaduras e formam-se lascas ao se cortar a unha ou então ficam "restos" grudados e mais freqüentemente a maneira (o ângulo) como é cortada forma uma ponta afiada (quantas vezes já não aconteceu de seu querido voltar do banho do pet shop com as unhas curtas porém afiadas)

 

Unhas compridas são um perigo para nossos pertences, para nós e para os próprios cachorros que:

- se machucam ao se coçarem

- não tem firmeza para andar – os cachorros ficam de pé apoiados nos dedos (digitigrade) ao contrário, por exemplo, dos ursos que se apóiam na sola (plantigrade)

- podem ter problemas nas articulações, nos ossos, no quadril, na coluna ou pés deformados

- e nos piores dos casos, de tão compridas acabam entrando na própria pele

 

Composição da unha

 

É importante saber como é composta a unha do cachorro para evitar acidentes ao cortá-la.

 

No desenho podemos ver o interior da unha

 

a – camada externa – a capa é dura e constituída de material morto, assim como a parte branca de nossas unhas

 

b – entre a capa e a parte central tem uma área que é mais mole que a capa, mas também tem consistência firme (=queratina)

 

c – na parte central há uma área em formato de cone cheia de vasos sanguíneos e terminações nervosas. Se for cortada causará dor e sangrará bastante. Esta é a parte viva da unha e é conhecida popularmente como "veia"

 

Como Cortar 

1 – Em primeiro lugar você deve inspecionar a área entre os dedos, as almofadas e a base das unhas para verificar se estão saudáveis, limpas e com o pelo desembaraçado (caso exista "nós" retire-os cuidadosamente com uma tesoura).
 
No caso dos nossos amigos de pelos longos é importante que os pelos ao redor da almofada e entre os dedos sejam bem aparados para evitar nós e que o cachorro escorregue nos pisos lisos.
          
 2 – Nas unhas brancas podemos ver claramente a cor rosada da "veia" o que facilita para determinar o ponto certo de onde se deve cortar, colocando o cortador num ângulo de 45º e deixando "uma folga" no final da "veia".

 

       

 

3 – Nas unhas pretas não dá para ver a "veia". Nesse caso corte um pedacinho, depois outro e quando enxergar um pontinho bem escuro pare, é a extremidade da "veia". (assista ao vídeo no final da página) 

 

        

 início da veia nas unhas brancas             início da veia nas unhas pretas

 

 

Dica: segure a pata do seu amigão e olhe a parte debaixo da unha.

- você vai perceber que existe uma fenda em toda sua extensão. È profunda na parte que se encontra com o dedo e vai se tornando cada vez mais rasa até desaparecer na ponta da unha. O fim da fenda corresponde ao início da "veia"

- deixe alguns milímetros e corte num ângulo de 45º graus.

Não entendeu? Então observe de outra maneira.

- olhe o desenho abaixo e você verá a forma de um triângulo na unha.

- esse triangulo está identificado na foto com uma seta. O corte da unha deve ser feito alguns milímetros antes do final do triângulo

 

          

     

 

 

 

Curiosidade: cachorros não têm unhas retráteis como os gatos. A cor das unhas é determinada pela cor da pele e pelagem ao redor. Este cachorro tem unhas pretas na pata marrom e uma mistura de unhas brancas e pretas na pata branca.

 

 

4 – Se a ponta da unha começar a sangrar coloque um pouco de estanca sangue e faça pressão por alguns segundos

 

5 – Agora se tiver receio de errar e machucar seu amigão ao cortar as unhas, você pode deixá-las mais curtas apenas lixando com o lado mais áspero de uma lixa de unhas ou com um produto próprio para pets como a lixa automática 

6 – Caso precise cortar unhas que estejam demasiadamente longas deve começar cortando só um pouquinho.

   - depois de alguns dias corte mais um pouco.

   - diminua o comprimento gradativamente, caso contrário, se cortá-las curtas de uma só vez acabará com um monte de sangue e um cachorro traumatizado.

   - devemos proceder assim porque conforme a unha cresce a "veia" também vai ficando mais longa

   - ao cortar um pouquinho estará retirando a camada protetora e a reação natural da "veia" será de encolher.

Veja o quadro:

              

 

  
                                                                                                      

Como acostumar seu cachorro

 

Qualquer que seja o objetivo cortar ou lixar é preciso, antes de qualquer coisa acostumar seu peludo a ser tocado nas patas, pernas, rabo, boca, orelhas, enfim no corpo todo, seja ele filhote ou adulto. Ele vai estar "no ponto" quando não esboçar nenhuma reação e estiver completamente relaxado durante o manuseio. Esse processo leva vários dias, as vezes semanas dependendo da personalidade e sensibilidade dele.

 

a ter as unhas cortadas

 

- utilize um cortador afiado

- acostume seu amigão com o cortador

  • comece deixando-o cheirá-lo

  • encoste e deslize o cortador pelas patas e dedos

  • Depois comece a brincar com os dedos, as unhas e assim por diante. Entendeu o espírito da coisa? Faça com que este momento seja agradável para ele

  • se o seu cachorro gosta de água (como Golden, Labrador) deixe-o brincar na água por um tempo ou então logo após o banho corte as unhas. Elas estarão mais macias e fáceis de cortar.

  • se o seu cachorro realmente detestar o cortador tente cortar somente uma unha, no dia seguinte corte outra até conseguir fazer uma pata inteira. Faça um pouco em cada sessão para ele ir se acostumando.

  • a minha vira lata Mel (que retirei das ruas com 2 anos de idade) odeia ter as unhas cortadas, mesmo tendo realizado todo o processo acima. Tentei cortar até quando estava dormindo profundamente, mas "nada de piripitibas", fracasso total. Até que, sem querer, descobri como fazer, coloquei-a em cima de uma mesa alta e "tchan, tchan, tchan, tchan, ficou um anjinho, consegui cortar de uma só vez as 22 unhas.

  • tenha paciência para acostumá-lo, pois valerá a pena.

  • não esqueça de elogiar e dar um petisco depois de cortar cada unha ou depois de ter terminado uma pata inteira. Converse com seu peludo durante todo o procedimento para tranqüilizá-lo e deixá-lo mais seguro.

 

a ter as unhas lixadas

 

- o processo deve ser realizado por alguns dias ou até semanas, dependendo da sensibilidade e temperamento do seu amigão

  • apresente a lixa automática e deixe-o cheirar e explorá-la. Por essa curiosidade e investigação elogie-o e dê um petisco

  • deixe a lixadeira no chão e coloque alguns pedaços de petiscos sobre ela (desligada) para que o cachorro a toque.

  • Em seguida ligue e desligue a lixadeira e ofereça um petisco quando a estiver examinando, explorando e por não ficar com medo do barulho.

  • No momento que obtiver êxito com essa parte do procedimento seu cachorro terá relacionado a lixadeira com uma recompensa. Não tenha pressa. Repita por vários dias até alcançar o objetivo.

  • Quando tiver superado essa fase, coloque seu peludo deitado de lado e encoste a lixadeira em apenas uma unha. Converse com ele e dê um petisco.

  • No dia seguinte encoste em duas unhas e assim por diante, dia após dia, aumentando gradualmente até completar uma pata, sempre seguido de elogios e pedaços de petisco.

  • Continue até conseguir completar as 4 patas e dê um grande petisco e elogio. Lembre-se que até então você apenas encostou a lixadeira nas unhas.

  • Finalmente poderá começar a lixar. Lixe apenas uma unha – não demore mais que 3 segundos – e encoste a lixadeira nas demais unhas. Pare e recomece no outro dia.

  • Faça uma unha por vez até conseguir completar uma pata. Continue a lixar agindo do mesmo jeito que fez quando simplesmente encostou a lixadeira

  • Torne esta experiência positiva para seu peludo e verá que ele irá fazer festa toda vez que mostrar a lixadeira

 

Dicas

 

- nunca lixe qualquer unha que tenha sangrado

 

- não faça pressão com a lixadeira sobre a unha. A velocidade e a fricção da lixa são suficientes para executar o trabalho

 

- nunca lixe por mais de 3 segundos o mesmo local e nunca faça a mesma unha por mais de 3 segundos ininterruptos, pois tanto a lixa quanto a unha podem ficar quentes e assim machucar seu amigão. Por exemplo – faça 2 patas ao mesmo tempo, portanto fique 3 segundos na 1ª unha, depois na 2ª, depois na seguinte...até a última da primeira pata. Comece da mesma maneira na segunda pata, daí retorne à primeira pata e repita toda a seqüência

 

- sempre segure o dedo da unha que está lixando. Dessa maneira a unha ficará mais exposta, facilitando o trabalho e diminuirá a vibração na hora de lixar, deixando seu cachorro mais confortável e você terá um controle maior caso ele mova a pata

 

- corte e lixe as unhas a cada 2 – 4 semanas

 

- sempre inspecione as unhas do seu peludo. Isso leva apenas alguns segundos e podem te alertar sobre algum problema físico ou emocional.

  • se estiverem roídas pode ser um sinal de pulgas, alergia, ansiedade ou tédio.

  • se tiverem um desgaste desigual pode ser que seu cachorro esteja arrastando a pata ao caminhar devido talvez a um músculo ou almofada machucados ou ainda algum problema de saúde. As vezes o "arrasto" ocorre só de vez em quando e na maioria das vezes é quase imperceptível.

 

- caso seu cachorro tenha pelos muito compridos o que dificulta cortar e/ou lixar, coloque na pata uma meia de seda ou de algodão ou luva cirúrgica e empurre as unhas até que fiquem expostas e livre dos pelos.

- quando já estiver super craque você poderá lixar as unhas sem a tampa protetora o que facilita muito para "arrumar" diferentes partes da unha, como por exemplo as lascas.

Obs: Não sou veterinária. As informações desta matéria são decorrentes da minha experiência e do curso de banho e tosa que fiz com a Sra. Hilda Drummond

Copyright Cristina Agostini - 2009
Este texto é protegido pela lei de direitos autorais.
É permitida a sua reprodução sem alterações,
desde que incluídos o link e os créditos a seguir:

Cristina Agostini - Adestradora
Dogsnet – Produtos e Brinquedos diferentes prá cachorro!
           
www.dogsnet.com.br

Não foram encontrados nenhum produto para esse selecão !

Página Inicial  -  Embalagens - Meio ambiente  -  Trocas  -  Cancelamentos  -  Devoluções  -  Privacidade  -  Segurança